É preciso saber dizer adeus aos móveis

Você sabe dizer quando chegou o momento de desapegar daquele velha peça do seu imóvel? Geralmente não estamos preparados para revitalizar o ambiente com novas ideias. É comum visitarmos casas congeladas em uma década de decoração específica. Renovar o ambiente requer energia, novas inspirações e o amigo dinheiro a disposição.

Afinal, vontade pode até sobrar, mas sem recursos a tarefa de renovação se torna inviável. O sempre interessante Apartment Therapy observou este comportamento tão comum e sugeriu quatro pontos de reflexão para você pensar se chegou o momento de trocar a decoração interna para algo moderno, que respeite as suas preferências atuais.

Quebrou e não adianta consertar

O seu móvel herdado dos pais ou comprado há mais de 10 anos quebrou uma peça. Não é a primeira vez, talvez até seja, e sua primeira opção é consertar. Claro que parece a melhor alternativa a trocar de objeto. Ponha na balança o custo/benefício entre consertar e comprar outra peça nova. Quem sabe o móvel quebrado pode servir de inspiração para uma possível reutilização de outra maneira?

Movel-Azul

Devo ou não trocar? Um dilema comum

Seu estilo mudou radicalmente

Antes você adorava qualquer objeto colorido de salmão. Agora salmão te lembra de qualquer coisa horripilante. A velha sensação de agradabilidade passa longe ao estar próximo deste objeto. Se há uma coisa é a constante mudança de padrão. Desejamos trocar de cores, estilos, pensamentos e tudo que for possível com frequência. Reavalie sua preferência e siga nesta direção.

Aquele móvel sempre foi meio “bleh”

Tão comum como mudar de preferência conforme seu leque de inspiração aumenta é manter um móvel comprado pelo simples fato de tê-lo comprado. Existe coisa pior que manter o que desejamos bem longe por perto obrigatoriamente? Uma simples reavaliação deste móvel o fará substituí-lo por uma peça melhor o mais rápido possível. E você se sentirá bem mais feliz.

decoração-com-móveis-coloridos-3

Esse roxo aí, não sei não…

Pouco espaço

Você pode até gostar e achar legal comprar uma mesa para oito pessoas. Mas não ela não cabe na cozinha. Não cabe na sala de estar. Não cabe em nenhum lugar. É hora de dizer adeus. A sua casa precisa de espaço para comportar todos os objetos com comodidade. Sem roubar espaço de qualquer ambiente. Simples assim. A sua casa não é um caminhão-baú.

Com estas dicas simples você saberá quando é o momento de trocar o estilo da casa. O único porém, e não há como lutar contra, é que algumas ideias precisarão de recursos para serem colocadas em prática. No entanto, superado esta barreira, você pode transformar o seu doce lar em um ambiente mais espaçoso, receptivo e orientado ao seu novo estilo.

Fonte: Apartament Therapy