Quem é o responsável pela falta de energia no seu imóvel ou bairro?

Somos uma sociedade tão dependente da energia elétrica que é difícil fazer nossas atividades habituais sem tê-la. Sem energia, não ligaríamos nossos computadores, esquentaríamos aquele pedaço de pizza congelado do mês passado no microondas ou sentaríamos em nossos sofás para ver aquele episódio de reality show com final previsível, mas que ainda nos mantém fissurados.

Quando há uma ruptura do serviço, é muito comum não sabermos quem contactarmos. Isto é um pequeno sinal da burocracia brasileira – em alguns casos, a burocracia soa como uma figura de linguagem ou uma expressão reservada aos cartórios. Certamente não é. Voltando ao ponto central, a cidade de São Paulo possui dois orgãos que podem ser acionados quando falta energia elétrica.

O primeiro e o mais conhecido dos moradores da capital é a Eletropaulo. A ex-empresa estatal, privatizada em 1999 por um consórcio entre franceses, americanos e brasileiros e, anos mais tarde, mantida apenas pela americana AES Corporation (por isso a Eletropaulo também mantém o AES em seu nome). A Eletropaulo é a principal fornecedora de energia elétrica da America Latina.

A função dela é garantir que você tenha acesso a energia dentro do seu imóvel. Qualquer problema interno, seja na sua casa ou empresa, é de inteira responsabilidade do conglomerado americano, como nos casos de oscilação de energia. Do outro lado, há uma iniciativa da prefeitura de São Paulo, criada em 2001, para resolver os problemas de iluminação pública, a Ilume.

A falta de energia elétrica irrita a qualquer um

Parques, postes, ruas, avenidas, túneis e outros que não possuem iluminação adequada ou estão com as lâmpadas queimadas devem ser avisadas ao Ilume. A Eletropaulo só trabalhará com a iluminação interna. O serviço deste orgão está submetido as diretrizes do seu munícipio. O mais importante disto tudo é lembrar que existem duas formas de resolver o problema de iluminação do seu bairro.

E a pergunta mais importante? São companhias confiáveis? Se você levar em consideração a avaliação de ambas no site ReclameAqui, o resultado está bem distante do positivo. A reclamação mais comum dos moradores é a respeito do prazo de resposta, o suporte técnico pouco eficiente e a sempre matadora burocracia. No final, o consumidor não sabe a quem recorrer.

O Ilume não possui um perfil no site ReclameAqui. Por isso, as reclamações postadas nunca são atendidas. A Eletropaulo, ao contrário, atende a 97% das reclamações. A resposta da companhia, no entanto, não é pública. Ela prefere entrar em contato com o consumidor por email para dar prosseguimento ao bate-papo sobre os problemas energéticos.

Mesmo que a situação não pareça simples de resolver e prometa algumas quedas de cabelo por injustiças, ainda há que manter a esperança. A Eletropaulo e a Ilume possuem dois telefones públicos para você registrar uma queixa. Sem contar a ouvidoria municipal, que funciona para criticar os serviços prestados, e a Procon, que já atuou a Eletropaulo neste ano pela falta de energia, atendimento ao cliente e reparo em danos [1]

Anote os telefones de contato das empresas.
Eletropaulo (queda ou oscilação de energia em casa): 0800 72 72 196
Ilume (iluminação de postes, praças e túneis): 0800 779 0156
Procon: 151  das 7 às 19h
Ouvidoria: 0800-175717 das 9h às 17h.

Aproveite e veja nossas dicas de como enfrentar chuvas inesperadas.